Dia da Vitória na Turquia – 30 Agosto // Victory Day in Turkey – 30 August (Zafer Bayram)

Dia da Vitória na Turquia – 30 Agosto

English

O Dia da Vitória, Zafer Bayram em turco, comemorado no dia 30 de Agosto é um feriado nacional para celebrar a vitória na batalha de Dumlupınar, última batalha da Guerra de Independência Turca em 1922.

Collage of Atatürk statue and Turkish flag.

Nesse dia é comum terem desfiles militares e cerimônias nas praças que possuem monumentos do fundador da República da Turquia, Mustafa Kemal Atatürk.

Ataturk1

E como na maioria dos feriados nacionais os prédios governamentais são decorados com bandeiras turcas e com fotos do Atatürk, assim como muitas pessoas penduram bandeiras da Turquia nas janelas de suas casas ou vão para as ruas com bandeiras para participar dos eventos.

Em cidades maiores muitas vezes a Força Aérea comemora esse dia com apresentações naqueles aviões que deixam rastros de fumaça formando desenhos nas cores vermelha e branca, simbolizando a bandeira da Turquia.

Nesse dia os predios governamentais e escolas não funcionam, algumas empresas privadas dão o dia livre mas os grandes supermercados e lojas funcionam normalmente.

XOXO


English

Victory Day in Turkey – 30 August

Victory Day, Zafer Bayram in Turkish, celebrated on August 30th is a national holiday in Turkey to commemorate the victory in the Battle of Dumlupınar, final battle in the Turkish War of Independence in 1922.

Collage of Atatürk statue and Turkish flag.

On this day is common to have military parades and ceremonies on the squares with monuments of the founder of Turkish Republic, Mustafa Kemal Atatürk.

Ataturk1

And as in most national holidays,  government buildings are decorated with Turkish flags and pictures of Atatürk, just as many people hang Turkish flags in the windows of their houses or go to the streets with flags to attend the events.

At big cities many times the Air Force celebrate this day with demonstration with those airplanes that leave a trail on red and white colours, symbolising the Turkish flag.

On that day the government buildings and schools don’t work, some private companies give a free day but major supermarkets and stores are open normally.

XOXO

Feriado do Ramadan – 2016 Video

Oi amores!!

Vem ver o primeiro video/vlog do canal!

IMG_5021

Em Julho eu tive uma semana de férias devido ao feriado do Ramadan e fui passar esse dias em Marmaris, uma cidade de praia muito famosa por aqui, que fica no sudoeste da Turquia, à beira do mar Egeu.

Ainda estou aprendendo sobre gravar e editar videos mas espero que gostem e com certeza esse é apenas o primeiro de muitos videos e vlog que vão entrar aqui no blog.

 

XOXO

Se você gostou do post e quer continuar acompanhando os próximos posts, fique a vontade para subscrever via e-mail na barra lateral ou você também pode seguir o blog no FacebookInstagramTwitterYoutube e Pinterest

Blog Follow Me agora também no Youtube!

Oi amores!!

Vim aqui hoje para compartilhar com vocês uma novidade. Agora o Blog Follow Me está também com videos no Youtube!!

FM Youtube

Faz muito tempo que já queria fazer videos além de posts no blog para poder mostrar de uma forma diferente um pouco mais das minhas viagens e da vida na Turquia e já até cheguei a gravar alguns videos mas com a correria de viagens e trabalho acabei ficando sem tempo para editar e postar.

Mas agora estou super animada com esse novo projeto e prometo postar mais tanto no blog quanto videos no Youtube.

Como estou começando agora nesse mundo de videos e edição tenham paciência e com o tempo vou aprendendo e me aperfeiçoando.

Hoje deixo para voces apenas um teaser, mas ainda essa semana entra mais um video. Então se inscrevam lá para acompanhar mais novidades.

Espero muito que gostem e acompanhem.

XOXO

A night we will never forget – Coup attempt in Turkey

IMG_4032

15 July 2016, as a normal Friday we left work and went out for dinner in a restaurant that I love, good food and good drinks to relax after a tiring week. The streets and restaurants were full as any other Friday. I went home, watched a movie and fell asleep, but this calm night and peaceful sleep wouldn’t last long. At 23:19 the phone rings, it was my boyfriend’s father saying to look at the news, because there was militaries in Istanbul and Ankara streets talking about military coup attempt and telling us to stock water and close well all doors and windows.

I woke up in shock, confused and not understanding anything. The news showed tanks in Istanbul streets blocking the way from the European side to the Asian side of the city, militaries in a television channel saying that they were controlling the government because the current rulers are not following the laws and are robbing the population. How all of a sudden everything changes and there is an coup attempted ??

10 minutes later, while I was filling bottles with water, we received another call from my father in law saying “Pack a bag now and come to beach house because there we will be more safe. Grab your passport, documents, important things, some clothes and get out now.” It took me a few seconds to have a reaction and start moving. I put the first clothes I saw in front of me, took my documents and money, packed automatically a few things in a backpack, without really thinking what I was putting and left home with a feeling of tension, confusion and fear of what might happen. We did not knew if there would be police or military on the streets of the city where we live (Izmir), we did not know what  we could find along the way, not sure we could arrive at our destination.

On the street there was no signs of problems, no police, no military, no control on the road, no tanks or helicopters. What was different and that made me more nervous were the long lines at gas stations, nothing normal for a late Friday night. And some of the smaller markets that are open 24 hours were full of people buying many groceries and several gallons of water.

We had no problems on the road, looked like an ordinary day, and we arrived at the beach house without any problems. We spent the night watching the news and trying to understand what was happening. Watching the images of tanks and militaries in Istanbul and Ankara, seeing the speech of the President requesting the people go out on the streets and fight with the militaries, we received messages on our mobile phones signed by the President making the same request.

After a night of conflict, many deaths and militaries held,  the day started a little more quiet. I’d rather not comment on what I think of this situation in social networks because  I’m living here and may not be so safe but I can say what I felt during that night: fear, insecurity, sadness for the lives that were lost and uncertainty about the future.

I haven’t felt the terror and the fear that the people who were in Istanbul and Ankara passed, I didn’t see any planes nor any tank, I didn’t hear any noise outside the normal, I didn’t hid afraid of the shotguns. But I suffered along by friends who were stuck at the airport, who were lying on their home floor, who cried with fear of not surviving.

I was afraid in the first hours of the evening but as the events passed and we started to understand better the situation and the facts we became calmer. And the Saturday began quietly where I was, a mix of grief and fear of what was about to come. I spent the day talking to my family and dear friends who were concerned and I thank you again for your concerns.

Throughout the day things seemed to return to “normal”, some people regretting what happened, others who have gone through worsts times were not concerned, others were already on the beach enjoying the summer as if nothing had happened. And so life goes on. In Izmir everyone was working normally.

Some facts that I find relevant to tell is that at no time the internet or social networks were blocked (as has already happened many times in Turkey) and on the other hand some carriers even gave free minutes, sms and internet packages. And from what they told me on Saturday and on Sunday the city center was full of people and cars with Turkish flags as on a holiday or a celebration of the end of the “coup”.

Now I stay feeling sadness for the hundreds of deaths and with  the desire and hope of better days, not only in Turkey but all around the world.

XOXO

Uma noite que nunca vamos esquecer – Tentativa de golpe na Turquia

 

IMG_4032

Dia 15 de Julho de 2016, como um sexta-feira normal saímos do trabalho e fomos jantar fora, em um restaurante que adoro, boa comida e bons drinks para relaxar depois de uma semana cansativa. As ruas e os restaurantes estavam cheios como em qualquer outra sexta-feira. Voltei para casa, assisti um filme e peguei no sono, mas a noite calma e o sono tranquilo não duraram muito tempo. Às 23:19 o telefone toca, o pai do meu namorado dizendo para olhar as notícias, pois tem militares nas ruas de Istanbul e Ankara falando sobre tentativa de golpe militar e falando para estocar água e fechar bem todas as portas e janelas.

Acordo em choque, confusa e sem entender nada. Os noticiários mostram tanques nas ruas  de Istanbul bloqueando a passagem do lado Europeu para o lado Asiático da cidade, militares em um emissora de TV falando que estão controlando o governo pois os governantes atuais não estão seguindo as leis e estão roubando a população. Como assim do nada tudo muda e há um a tentativa de golpe militar??

10 minutos depois, enquanto estava enchendo garrafas de água, recebemos outra ligação do meu sogro dizendo “Faz uma mala agora e vem para casa de praia por que lá estaremos mais seguros”. Pega passaporte, documentos, coisas importantes, alguma roupa e sai agora. Demorei uns segundos para ter uma reação e começar a me mexer. Coloquei a primeira roupa que vi pela frente, peguei meus documentos e dinheiro, juntei muito no automático algumas coisas numa mochila, muito sem pensar no que estava colocando e saímos com um sentimento de tensão, confusão e medo do que poderia acontecer. Não sabíamos se teriam policiais ou militares na rua da cidade onde moramos (Izmir), não sabia o que poderia encontrar pelo caminho, não sabia se conseguiria chegar no nosso destino.

Na rua não havia sinal nenhum de problema, nenhum policial, nenhum militar, nenhum controle na estrada, nada de tanques ou de helicópteros. O que havia de diferente e que me fez ficar mais nervosa eram as filas enormes nos postos de gasolina, nada normal para uma madrugada de sexta-feira. E alguns dos pequenos mercados que ficam abertos 24 horas estavam cheios e as pessoas comprando muitos mantimentos e vários galões de água.

Não tivemos problemas na estrada, parecia um dia comum, e chegamos na casa de praia sem problema. Passamos a noite acompanhando as notícias e tentando entender o que estava acontecendo. Assistindo as imagens dos tanques e militares em Istanbul e Ankara, vendo o pronunciamento do presidente pedido para a população sair nas ruas e lutar contra os militares, recebemos mensagem nos celulares assinadas pelo presidente fazendo o mesmo pedido.

Depois de uma noite de conflitos, muitas mortes e militares detidos o dia amanheceu um pouco mais tranquilo. Prefiro não comentar o que penso dessa situação em redes sociais pois pode não ser muito seguro já que continuo morando aqui mas posso dizer o que senti durante essa noite: medo, insegurança, tristeza pelas vidas que foram perdidas e incerteza sobre o futuro.

Eu não passei pelo terror e pelo pavor que as pessoas que estavam em Istanbul e Ankara passaram, não vi nenhum caça nem nenhum tanque, não escutei nenhum barulho fora do  normal, não me escondi com medo dos tiros. Mas sofri junto pelos amigos que estavam presos no aeroporto, que se desesperam deitados no chão de casa, que choraram com medo de não sobreviver.

Tive medo nas primeiras horas da noite mas com o passar dos acontecimentos começando a entender melhor a situação e os fatos ficamos mais calmos. E o sábado começou em silêncio por onde estava, uma mistura de luto e receio do que estaria por vir. Passei o dia conversando com minha família e amigos queridos que estavam preocupados e que agradeço mais uma vez pela preocupação.

Ao longo do dia as coisas pareciam voltar ao “normal”, algumas pessoas lamentando o acontecido, outras que já passaram por momento piores não estavam preocupadas, outras já estavam na praia curtindo o verão como se nada tivesse acontecido. E assim a vida segue. Em Izmir todo mundo já estava trabalhando normalmente.

Alguns fatos que acho relevante contar é que em nenhum momento a internet ou as redes sociais foram bloqueadas (como já aconteceram em muitos momentos na Turquia) e pelo contrário algumas operadoras ainda deram de graça pacotes de minutos, sms e internet. E pelo que me contaram no sábado e no domingo o centro da cidade está cheio de gente e de carros com bandeiras da Turquia como um feriado ou uma comemoração do fim do “golpe”.

Eu fico com o sentimento de tristeza pelas centenas de mortes e com o desejo e a esperança de dias melhores, não apenas na Turquia, mas para todo o mundo.

XOXO

Kaynar – A bebida dos recém nascidos // Kaynar – A newborn drink

Kaynar – A bebida dos recém nascidos 

English

Morar em outro país é sinônimo de muito aprendizado, um aprendizado diário sobre cultura, lugares, pessoas e sobre si mesmo.  E não importa há quanto tempo estamos vivendo nesse lugar, sempre surgem novas experiencias, novas situações e novos aprendizados.

kaynar1

Continue reading

Weekly Delights #54-57

Todo dia é um bom dia pra ser feliz! O que te fez feliz essa semana? // Everyday is a good day to be happy! What made you happy this week?

 

Eu amo o mês de Janeiro, não apenas por ser o mês do meu aniversário, mas também por ter um clima inspirador de novos começos, novas caminhos e novos planos. E esse mês manteve a tradição de ser um mês lindo, mas também foi muito corrido e com pouco tempo livre.


I love January, not only because it is the month of my birthday, but also because it has an inspiring atmosphere of new beginnings, new paths and new plans. And this month kept the tradition of being a beautiful month but was also very busy and with not much spare time. 

Continue reading